Join our mailing list for the latest news

Novidades

Kubiko Solidário no Instagram/Facebook 

Em tempos de crise de saúde mundial, os artistas são chamados a entrar em acção para ajudar quem mais precisa. Devido à pandemia Covid -19, artistas de várias partes do mundo se juntam no Festival #KubikoSolidário para angariar donativos para a Instituição Vivência Feliz que ampara crianças de rua em Angola e lhes introduz às artes. 
Um festival com artistas de géneros diversos e de várias partes do mundo, nos dias 1, 2 e 3 de Maio, ao vivo no Instagram, com reposição no Facebook no dia seguinte. 
Sigam as páginas do projecto nas redes sócias! Acompanhem os vossos artistas favoritos! Conheçam novos artistas! Façam as vossas doações! 
Agora que se precisa, devemos estender a mão!

Wadada atua no "Reggae A Librdade" 

Este 25 de Abril vai ser passado em quarentena, mas não é por causa disso que vamos deixar de celebrar a Liberdade porque todos os dias temos de festejar a vida. Todos vamos partilhar boas energias nos dias 25 e 26 de Abril, o Espaço Zion e Irie Tree Family apresentam REGGAE A LIBERDADE, um festival de live and direct stream no Facebook da página de cada artista com 14 actuações de portugueses que vão partilhar com todos as suas selecções de Reggae e Dub, os seus acústicos e live dubs/live mixes.Espaço Zion & irietreefamilyproductions 

SÁBADO 25 
¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯ 
14h-15h30 - Nomad Embassy Sound System15h30-17h - Raspect SunRoots SoulJah17h-18h30- BertiRoots 

18h30-20h - Simply Rockers Sound System,  20h-21h - Prince Wadada  21h-22h30 - Selecta Bob Figurante,  22h30-00h - Delmighty Sounds 

DOMINGO 26 
¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯ 
14h-15h - Medi Sound Station, 15h-16h30 - Selecta Higgla, 16h30-18h - Rasficina, 18h-19h - Rubera Roots, 19h-20h30 - Selecta Fontes 

20h30-22h - Jahm Joule & Selectress sunshine 22h-23h30 - Mystic Fyah 

Dignidade Jah é o novo som 

Nas  principais plataformas digitais e com vídeo oficial, "Dignidade Jah" é o novo single de Prince Wadada, com participação na produção musical de Dynamike, um teclista e produtor, ligado ao reggae e ao hip hop português.  aos Nomad Embassy e Okutua apoiaram na realização do vídeo que foi realizado pela Mas Kitchen.

Garina 

Garina é a escolha de Prince Wadada para o projeto “Sexta do Prince” da Ras Kitchen Production. Claramente um reviver do Dancehall a moda dos anos 80. A música embora produzida pela Ras Kitchen, contou também com a direção artística de João Pujol da Pujol Productions. Realçar que a “Sexta do Prince” é um desafio proposto entre a Ras Kitchen e seus colaboradores com a finalidade de produzirem por completo um tema por semana, com direito a disponibiliza-lo em todas as plataforma de venda online e stream.

Dog Man na Sexta do Prince 

É Sexta-Feira, dia de novidade musical. Desta vez Wadada Prince, convida Dog Man para um dueto no tema “Star”, um Funk misturado com Afrobeat a maneira do Reggae do músico Angolano. A música está disponível no Spotify, Apple Music, iTunes, TikTok, Google Play/YouTube, Amazon, Pandora, Deezer, Tidal, Napster, iHeartRadio, ClaroMusica, Saavn, Anghami, KKBox, MediaNet e Instagram/Facebook! 

It's Friday, the day of new music. This time Wadada Prince, invites Dog Man to a duet on the theme "Star", a Funk mixed with Afrobeat in the Reggae way of the Angolan musician. The song is also on Spotify, Apple Music, iTunes, TikTok, Google Play/YouTube, Amazon, Pandora, Deezer, Tidal, Napster, iHeartRadio, ClaroMusica, Saavn, Anghami, KKBox, MediaNet and Instagram/Facebook!

Sexta do Prince 

Chuva é uma das primeiras canções escrita por Prince Wadada, que só agora foi gravada. Contou com a participação de Nuno Pardal nos arranjos de produção. O tema faz parte de uma série de singles que serão lançados todas as sextas-feira no enquadramento do projeto “Sexta do Prince”. Fiquem atentos e aguardem por uma nova canção do artista todos os finais de semana, em todas as plataformas de venda em formato digital, com mais realce ao Spotify.

África do Sul 

Os acontecimentos recentes na África do South, faz ressurgir a questão da xenofobia dentro do continente, a intolerância entres os povos de África faz-nos pensar, “o que é feito dos lideres do tão aclamado pan-africanismo?” Todos os dias somos bombardeados nas televisões do ocidente com dezenas e centenas de desesperados atravessando o oceano atlântico, arriscando suas vidas a procura de melhores condições de vida, muitos, mesmo muitos morreram nessas travessias, a procura da solidariedade alheia… É mais do que hora de termos lideres que falem por nós, que se preocupem connosco. Se em África não nos toleramos, como podemos esperar que os outros nos acolham?

What's Up Black Brother 

Recent turmoil in South Africa resurface the issue of xenophobia within the continent, intolerance among the peoples of Africa makes us wonder, “What is made of the leaders of so-called pan-Africanism?” Every day we are bombarded on western television with dozens and hundreds of desperate people crossing the Atlantic Ocean, risking their lives in search of better living conditions, many, even many died in these crossings, for Europe solidarity… It's the right time to have leaders who speak for us, who care about us. If in Africa we do not tolerate ourselves, how can we expect others to welcome us?

New Videos